domingo, 25 de outubro de 2009

SOCIOLOGIA DE ÈMILE DURKHEIM

O SURGIMENTO DA SOCIOLOGIA

Augusto Comte (1798-1857) é radicalmente considerado o pai da sociologia. Foi ele quem pela primeira vez usou essa palavra, em 1839, no seu Curso de Filosofia Positiva. Mas foi com Émile Durkheim (1858 – 1917) que a Sociologia passou a ser considerada uma ciência e como tal se desenvolveu.

Durkheim formulou as primeiras orientações para a Sociologia e demonstrou que os fatos sociais tem características próprias, que os distinguem dos que são estudados pelas outras ciências. Para ele, a Sociologia é o estudo dos fatos sociais. Tem por finalidade explicar a sociedade, encontrar soluções para a vida social e estabelecer uma classificação das espécies sociais (morfologia social): solidariedade mecânica (sociedades pré-capitalistas) e solidariedade orgânica (sociedades capitalistas)

FATOS SOCIAIS

Um exemplo simples nos ajuda a entender o conceito de fato social, segundo Durkheim. Se um plano chegasse à escola vestido com roupa de praia, certamente ficaria numa situação muito desconfortável: os colegas ririam dele, o professor lhe daria uma enorme bronca e provavelmente o diretor o mandaria de volta para pôr uma roupa adequada.

Existe um modo de vestir que é comum, que todos seguem. Isso não é estabelecido pelo indivíduo. Quando ele entrou no grupo, já existia tal norma, e, quando ele sair, a norma provavelmente permanecerá. Quer a pessoa goste, quer não, vê-se obrigada a seguir o costume geral. Se não o seguir, sofrerá uma punição. O modo de vestir é um fato social. São fatos sociais também a língua, o sistema monetário, a religião, as leis e uma infinidade de outros fenômenos do mesmo tipo.

Para Durkheim, os fatos sociais são o modo de pensar, sentir e agir de um grupo social. Embora os fatos sociais sejam exteriores, eles são introjetados pelo individuo e exercem sobre ele um poder coercitivo. Resumindo, podemos dizer que os fatos sociais tem as seguintes características:

• Generalidade – o fato social é comum aos membros de um grupo;

• Exterioridade – o fato social é externo ao individuo, existe independentemente de sua vontade;

• Coercitividade – Os indivíduos se sentem obrigados a seguir o comportamento estabelecido. A coerção social pode ter características legais ou espontâneas.

Em virtude dessas características, para Durkheim os fatos sociais podem ser estudados objetivamente, como “coisas”. Da mesma maneira que a Biologia e a Física estudam os fatos da natureza, a Sociologia pode fazer o mesmo com os fatos sociais.

“É um fato social toda a maneira de fazer, fixada ou não, suscetível de exercer sobre o indivíduo uma coação exterior”, ou ainda, “que é geral no conjunto de uma dada sociedade tendo, ao mesmo tempo, uma existência própria, independente das suas manifestações individuais.” Podendo ser normal ou patológico.

OS NOVOS DESAFIOS PARA A SOCIOLOGIA

As obras de Durkheim foram importantíssimas para definir os métodos de trabalho dos sociólogos e estabelecer os principais conceitos da nova ciência. Entre essas obras, destacamos A divisão do trabalho social, As regras do método sociológico e O suicídio.

A partir da segunda metade do século XX, com o fortalecimento do capitalismo, que se tornou também mais complexo, a Sociologia ganha nova importância, deparando-se com questões com que até então não havia se preocupado.

Estudo de questões como ruptura de normas sociais, desagregação familiar, cidadania, minorias, violência, crimes levaram a Sociologia a procurar respostas para os novos desafios, que exigem uma análise científica de todos os aspectos da vida em sociedade, para entender o presente e projetar o futuro.

A Sociologia moderna coube debruçar-se sobre todos os agentes sociais que provocam profundas modificações na sociedade. Assim foi consolidando o seu papel, a medida que definiu sua forma de pesquisa, análise e interpretação dos fenômenos sociais. O sociólogo, por sua vez, não pode perder de vista a noção de relatividade dos fenômenos sociais e as diversas formas como esses fenômenos se apresentam no mundo de hoje. Como exemplo de relatividade de fenômeno social, temos o desemprego, que pode ocorrer em determinados países e em outros não, pois depende muito do desempenho da economia de cada país e das regras que norteiam cada política social.

Alguns exemplos de fatos sociais:

O casamento é um exemplo de fato social o qual nos deparamos a todo momento também em nossa sociedade. Todo o círculo de parentes e de igual maneira amigos que, claro o cercam de forma direta ou indireta impõe que, claro o cidadão deve se casar e de igual maneira constituir uma família. "e você já se casou...", quem nunca se deparou com uma pergunta desta ao rever um grande amigo, ou numa reunião com seus familiares que, claro não os via há um bom tempo. Apesar de ser dotado de um poder coercitivo, aceitamos o mesmo de bom grado;

Direito é fato social, uma vez que, do ponto de vista normativo, direito é o complexo de normas, exteriores ao indivíduo, que coage a agir de determinada maneira;

Qualquer situação social (festa, namoro, encontro entre amigos, paquera, etc) é um fato social;

Os impostos é um fato social;

A educação que recebemos deste criança é um fato social;

Jogar lixo no chão ou fumar em certos lugares é um fato social.

Crime é uma fato social.

OS FATOS SOCIAIS NA MÚSICA DE ARNALDO ANTUNES

A melhor maneira de entender a sociedade em que se vive é através de sua produção cultural. Não é novidade que pela música, por exemplo, diversos conceitos e temas podem ser trabalhados a fim de entender melhor os conceitos sociológicos.

Numa música, que ainda não foi lançada, composta pelo artista Arnaldo Antunes, em parceria com Antonio Pinto, podemos comprovar tal idéia. O trabalho faz parte de um projeto do ex-titã, juntamente com outros artistas, que reúne canções para um CD só com músicas infantis.

A primeira música, que dá nome ao CD, tem um título sugestivo, chama-se “Pequeno cidadão”. Ao longo de toda a letra nos deparamos com uma seqüência de ordens ao qual toda criança está acostumada.

Mesmo as atividades que proporcionam prazer surgem totalmente vigiadas por alguém, ou melhor, por um adulto, que de uma forma coercitiva controla tudo de maneira a estabelecer as regras e as normas. Podemos utilizar essa letra para entender melhor o conceito de “fato social” elaborado pelo sociólogo francês Émile Durkheim (1858-1917). O pensamento de Durkheim propõe-se a estudar a estrutura reguladora da sociedade, por isso a educação é um dos exemplos preferidos desse intelectual, pois é através dela (a educação) que os indivíduos passam a conhecer as regras da sociedade em que vive. Na música de Arnaldo Antunes prevalece a todo o momento uma atitude reguladora para que a criança aprenda a ser desde cedo um “Pequeno cidadão”

PEQUENO CIDADÃO

ARNALDO ANTUNES E ANTONIO PINTO

Agora pode tomar banho

Agora pode sentar pra comer

Agora pode escovar os dentes

Agora pega o livro, pode ler

Agora tem que jogar videogame

Agora tem que assistir TV

Agora em que comer chocolate

Agora tem que gritar pra valer

Agora pode fazer a lição

Agora pode arrumar o quarto

Agora pega o que jogou no chão

Agora pode amarrar o sapato

Agora tem que jogar bola dentro de casa

Agora tem que bagunçar

Agora tem que sujar de lama

Agora tem que pular no sofá

É sinal de educação

Fazer sua obrigação

Para ter o seu direito de pequeno cidadão

3 comentários:

  1. isso e dificil de ser estudado viu

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigada, por compartilhar seu conhecimento.nao curso faculdade mas possuo uma mente inquisitiva, fiz uma observacao dos fatos sociais e agora procuro explica-lo.por falta de diploma (mas um fato social) nao creio que ela tera a devida atencao, mas serve ao menos para mim tirar a venda dos olhos.Muito obrigada pela ajuda.Deus lhe abencoe!

    ResponderExcluir
  3. Muito obrigada, por compartilhar seu conhecimento.nao curso faculdade mas possuo uma mente inquisitiva, fiz uma observacao dos fatos sociais e agora procuro explica-lo.por falta de diploma (mas um fato social) nao creio que ela tera a devida atencao, mas serve ao menos para mim tirar a venda dos olhos.Muito obrigada pela ajuda.Deus lhe abencoe!

    ResponderExcluir